Exemplo de plano de estudo + ciclo

Exemplo de plano de estudo: tradicional x ciclo de estudos

Está procurando um exemplo de plano de estudo? Existem diversas metodologias para a construção de um cronograma de aprendizagem. Entretanto, o ciclo de estudos criado por Alexandre Meireles, é um dos modelos mais aclamados por concurseiros de todas as áreas e por quem deseja boas notas em provas de classe e no ENEM.

Um plano de estudo é, resumidamente, um cronograma bem definido, criado por estudantes para guiar seus objetivos de aprendizagem, bem como organizar o tempo dedicado aos conteúdos das provas.

Seguir um exemplo de plano de estudos ajuda o estudante a:

  • aproveitar melhor seu tempo;
  • otimizar a evolução das matérias;
  • ter maior rendimento na assimilação do conteúdo que será cobrado na prova em questão.

Como citamos anteriormente, existem diversos modelos de plano de estudo. Para escolher o que melhor se adéqua a você é importante que conheça um pouco sobre cada um.

A seguir, apresentamos 2 exemplos de plano de estudo:

  • um modelo tradicional;
  • a metodologia do ciclo de estudo.

Acompanhe nosso artigo, e aprenda como montar um cronograma de estudos para concurso.

Exemplo de plano de estudo: cronograma de horários versus ciclo de estudo

Seguir um modelo de plano de estudo como o ciclo de estudo é a melhor forma de criar uma rotina de estudos para concursos, afinal, as metodologias já foram testadas por profissionais aprovados nas provas mais difíceis do Brasil.

Enquanto o modelo tradicional se preocupa em definir o dia e a hora para a concentração em cada disciplina, o ciclo de estudos propõe a otimização do tempo disponível, é mais dinâmico e permite uma abordagem mais profunda do conteúdo, sem tornar a rotina maçante.

Então, chega de falação e vamos aos exemplos de planos de estudo.

1. Plano de estudo tradicional

Vamos utilizar como exemplo de plano de estudo a grade de disciplinas do concurso de Auditor Fiscal do ICMS.

Entre os principais conteúdos a serem estudados, temos as matérias de:

  • Português;
  • Direito Constitucional;
  • Direito Tributário;
  • Direito Administrativo;
  • Economia;
  • Contabilidade;
  • Matemática Financeira;
  • ICMS;
  • Raciocínio Lógico.

No modelo tradicional de plano de estudo você organiza essas disciplinas em um quadro/agenda, com dia da semana e horário para estudar cada uma.

Veja se o exemplo de plano de estudo abaixo é familiar:

Como fazer um ciclo de estudos

Fonte: Método de Estudo

Quase todas as pessoas que estudam para concurso já montaram, pelo menos uma vez, um cronograma como esse.

Na mesma proporção, quase todos esses mesmos concurseiros já falharam ao tentar cumprir o que estabeleceram.

Não se trata de falta de foco. A falha no cumprimento integral desse cronograma está no fato de sermos humanos. Isso nos afeta, pois, diferente das máquinas, alguns dias pela manhã acordamos com febre, precisamos ir ao médico, visitamos nossos avôs, e por aí vai.

Nada disso seria um bicho de sete cabeças se não fosse por dois fatores:

  • quando um estudante de concurso deixa de cumprir mais de duas vezes o cronograma que estabelece, ele sente como se estivesse falhando no cumprimento de seu objetivo. Resultado? Desmotivação.
  • quando o concurseiro deixa de estudar português e economia na terça-feira de manhã, “perde” a chance de ter contato com essas matérias no volume necessário, dentro do período estabelecido. Isso causa atraso na matéria e uma grande perda de tempo se você decidir realocar seus horários todas as vezes que precisar estudar uma matéria que ficou para trás.

Com esse simples exemplo, foi possível perceber que mesmo sendo um consagrado método de estudo, responsável pela aprovação de milhares de concurseiros, o modelo tradicional precisa de melhorias e adaptações.

Atualmente existem modelos mais eficientes e produtivos, entre eles, o ciclo de estudos.

2. Ciclo de estudo

O segundo exemplo de plano de estudo é um método que está ganhando muito espaço e se mostrando mais eficiente.

O ciclo de estudo aumenta a produtividade do estudante e otimiza seu tempo. Se você é um concurseiro sabe como o tempo é valioso.

A diferença entre o plano tradicional e o em ciclo já é percebida logo na aparência de cada um. A nova metodologia tem essa forma:

Exemplo de plano de estudo

 

Não existem dias nem horários definidos. Um ciclo como esse apenas impõe:

  • as matérias que devem ser estudadas;
  • o tempo de dedicação a cada uma;
  • a ordem na qual você deve estudar cada conteúdo;
  • quantas vezes cada matéria se repete.

É interessante que você coloque uma previsão de tempo para terminar um ciclo completo e reiniciá-lo, por exemplo; “desejo completar todo o ciclo em até 7 dias”.

Para você aprender como montar um ciclo de estudo precisa estar atento a 5 etapas:

  • Defina o tamanho do ciclo: estabeleça quantas horas ele terá. No exemplo acima o ciclo apresenta 24 horas;
  • Analise cada disciplina: quais são as matérias com as quais você tem mais dificuldade e quais possuem mais peso na prova. Elas devem ter uma atenção especial em seu plano de estudo;
  • Quantidade e tempo dos blocos: vamos imaginar que você tenha 9 disciplinas para estudar e um ciclo de 24 horas, agora você precisa criar blocos para distribuir as matérias neste tempo. O ideal é que cada bloco tenha entre 30 minutos e 2 horas, dependendo de cada matéria a ser estudada.
  • Distribua os blocos de matéria no ciclo: organize a ordem na qual vai estudar. Tente intercalar as matérias teóricas com as de cálculo ou raciocínio lógico.
  • Revise o ciclo: após feito, confira se o resultado foi um ciclo organizado e eficaz.

Com esse ciclo montado, você só precisa começar a estudar.

Se precisou ir ao médico não tem problema; se sobrou um tempinho no final de semana, se você está mais animado em um dia do que no outro, nada disso importa. Pegue o bloco da vez e comece a estudá-lo. Marque em qual bloco parou e volte quando puder.

Acabou um ciclo? É só reinicia-lo.

Durante o seu tempo de estudo, você pode precisar mudar algumas coisas do ciclo como, por exemplo, inserir outras disciplinas, diminuir o tempo do bloco de alguma delas, etc. Não há nenhum problema. Faça isso quando achar necessário.

O método de ciclo de estudos é um apoio importante para quem está em busca da tão sonhada vaga em um grande concurso.

Ele é ótimo tanto para quem se dedica integralmente à vida de concurseiro, como para quem divide o dia a dia com outro trabalho ou outras funções.

Utilizamos o exemplo de plano de estudo para o concurso de Auditor do ICMS, mas você pode adaptar o modelo aos demais concursos de todas as áreas (fiscais ou não). Assim como para provas de classe ou até mesmo o ENEM.

O ciclo de estudo é, resumidamente, a otimização máxima do seu tempo, sem deixar a motivação cair!

Talvez você tenha ficado um pouco confuso para montar o seu ciclo de estudos, mas até isso tem solução! E que solução:

O aplicativo EstudAqui faz todo esse trabalho pra você e cria o seu ciclo de estudos perfeito automaticamente.

  • Escolha a prova para a qual deseja estudar;
  • Com apenas 1 clique a tecnologia cria um ciclo de estudo personalizado e exclusivo para você, considerando as suas dificuldades e facilidades pessoais em cada matéria.

Gostou, não é mesmo? Então mãos na massa!

Acesse nossa plataforma e conheça mais sobre o EstudAqui.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *