Concurso depois dos 40 anos - É possível - Vale a pena tentar

Concurso depois dos 40 anos: É possível? Vale a pena tentar?

Frequentemente recebo perguntas de pessoas mais “experientes”, aquelas que já passaram da faixa etária mais tradicional para estudar para concursos públicos, sobre valer a pena ou não estudar para concurso depois dos 40 anos

Existem diversas motivações e histórias de vida que podem levar você a tomar a decisão de prestar um concurso quando estiver mais maduro. Inclusive, existem muitos casos de pessoas que já são servidores públicos em cargos de nível médio, mas desejam buscar uma vaga em concursos de nível superior. 

Por isso, escrevi este artigo para ajudar você a refletir melhor sobre prestar algum tipo de concurso público depois dos 40, 50 anos ou até mesmo acima disso. Vou contar um pouco da minha experiência e como eu acredito que você pode se preparar, se este é o seu caso. Continue a leitura!

A minha experiência 

Eu voltei aos estudos quando tinha 35 anos e fui aprovado pouco tempo depois, por volta dos 35 anos e meio e, depois, prestei mais um concurso e estou, desde então, no meu atual cargo, como Fiscal do Estado de São Paulo, desde meus 36 anos. Para ser sincero, não sei se teria grandes diferenças se eu tivesse sido aprovado com 40 anos ou mais. 

Para quem conhece mais a fundo minha trajetória, sabe que eu consegui passar no concurso em poucos meses porque antes já havia me dedicado em estudos há 10 anos. Claro, tive que me atualizar, mas meu pensamento era de que iria estudar o tempo necessário para passar no concurso que eu queria. E, se eu não fosse aprovado, teria continuado a estudar, pois existem muitas vantagens para quem quer virar concursando(a) nessa fase da vida.

Vantagens de prestar concurso depois dos 40 anos

Acredito que a idade mais avançada pode contar positivamente em diversos aspectos para um concursando ou concursanda. A maior vantagem competitiva, na minha opinião, é a maturidade adquirida ao longo do tempo.  

Quando você tem uma atitude mais madura, naturalmente você pode ser mais organizado nos estudos. Além disso, alguém com mais idade pode estar mais determinado e mais obcecado em ser aprovado naquele período, já que não tem muito tempo a perder! 

Outro benefício que enxergo para quem tem mais experiência acumulada é aplicado na hora de fazer uma prova do concurso. Normalmente, uma pessoa mais jovem fica mais ansiosa e pode se perder durante um exame. Já uma pessoa com mais maturidade, tem maior capacidade de concentração, mais calma, e pode usar isso tanto para selecionar melhor os conteúdos durante os estudos, quanto no momento da prova. 

Você sabia?

Os fundadores da Estudaqui foram aprovados nos melhores vestibulares (USP/FUVEST, UFSCAR, UNIFESP etc) e também nos melhores concursos do Brasil (Auditor Fiscal de SP, do MT, do ES etc). E o projeto da Estudaqui foi validado por eles em alguns dos melhores cursos de empreendedorismo do mundo (Stanford, UC Berkely e Draper University), no Vale do Silício, na Califórnia.

Conheça nossa história e o aplicativo de estudo da Estudaqui. E claro, continue lendo :).

Desvantagens de prestar concurso depois dos 40 anos

No meu caso, vou destacar duas desvantagens que senti com o passar dos anos e que poderiam prejudicar a minha performance. A primeira delas é a perda de memória que senti um pouco mais com o passar do tempo, mas vale ressaltar que eu sempre me considerei ruim de memória. 

E o outro fator que acredito que possa atrapalhar é a coluna! Isso porque eu sofria com dores na coluna quando estudava e se eu fosse voltar à uma rotina dessas hoje, com certeza teria muito mais cuidado com a minha postura. Sobre isso, contei um pouco mais da minha experiência com uma dor crônica nas costas. Aconselho você a parar para fazer alongamentos frequentes e a procurar algum tipo de exercício aeróbico, como a caminhada. Tudo isso, se possível, com a orientação de um profissional da saúde

Mas não acredito que isso seja um empecilho para alguém que quer começar hoje a estudar. 

Existe idade máxima para prestar concurso público? 

Depende do concurso. De uma forma geral, os concursos podem exigem que os candidatos tenham pelo menos 18 anos até o dia da posse ou podem exigir um limite de 65 anos. 

Mas, se formos olhar o que diz a Constituição Federal, legalmente, não existe uma idade máxima para prestar concurso público. No entanto, a limitação encontra-se nos pré-requisitos e, consequentemente, no nível de qualificação. Escrevi mais sobre esse assunto neste artigo.

Razões para você considerar prestar um concurso

Como já destaquei, acredito que não haja grandes empecilhos para você prestar um concurso depois dos 40 anos. Elenquei alguns motivos que considero pertinentes para você refletir ao buscar um concurso:

  • Pessoas que possuem algum problema no seu atual emprego;
  • Caso você já seja servidor público, mas quer subir do nível médio para o superior;
  • Quando você não está satisfeito no atual emprego;
  • Se você está desempregado e não se vê mais na carreira em que atuava.

E, o mais importante, você se identificou com alguma das opções anteriores e enxerga o concurso público como uma boa opção para retomar a carreira? Então não importa a sua idade, vá estudar e passar no concurso que é o seu sonho! 

Por que a melhor hora para começar é agora?

Com minha vasta experiência no mundo dos concursos públicos, vejo muita gente mais nova que tem muita disposição, mas que não consegue se dedicar o suficiente por enfrentar problemas familiares, financeiros ou até mesmo de saúde. Em contrapartida, uma pessoa mais das antigas pode estar mais estável em sua vida e conseguir se dedicar mais aos estudos. 

Na verdade, independente da idade, todo mundo tem problemas! Não adianta criar desculpas e achar que a vida do outro é perfeita. Existe uma frase famosa que diz o seguinte: “Não compare seus bastidores com o palco dos outros”. E isso serve para você parar de criar esses empecilhos ao se comparar com alguém mais jovem. E também não vale ficar se lamentando porque não estudou quando tinha seus 20 e poucos anos. 

Por mais que você ache que sua idade é um problema, pense: é a idade que você tem hoje e você pode começar agora! 

É verdade que as dificuldades do caminho da aprovação são enormes. Mas elas podem ser muito facilitadas quando você tem as ferramentas corretas ao seu alcance.

Saiba que você não precisa, e nem deveria, tentar fazer tudo sozinho, facilite a sua vida usando uma tecnologia como a do aplicativo Estudaqui.

Em poucos segundos o app monta seu ciclo de estudo perfeito personalizado, sem você precisar ter qualquer trabalho. E isso não é tudo! O Estudaqui ainda permite, automaticamente:

  • controlar o tempo de estudo de maneira simples e fácil;
  • acompanhar as porcentagens de acerto em qualquer celular ou tablet;
  • ver relatórios de conclusão de estudo e avanços do conteúdo;
  • rever o histórico de tudo o que foi estudado;
  • tomar ações para melhoria de desempenho com ajuda da melhor tecnologia de estudo do mercado.
  • Acesse o site e conheça mais sobre o Estudaqui: estudo de alto desempenho, simples e acessível a todos!

Fique à vontade para compartilhar o artigo nas redes sociais.

Um abraço, Thiago Magalhães.

Ver todos os artigos de Thiago Magalhães