Como fazer um ciclo de estudos - exemplo

Como fazer um ciclo de estudos flexível e eficaz: 5 passos

Você tem duas razões para estar interessado em como fazer um ciclo de estudos:

  • ou você está iniciando agora sua preparação para uma prova ou concurso;
  • ou o método que você adotou não está funcionando.

Acertei?

Você está com dificuldades para seguir o cronograma de estudos que estabeleceu como rotina de preparação para seu concurso, ENEM ou prova de classe?

Se serve de consolo, você não está sozinho.

Todo mundo já perdeu um ou 2 dias de estudo e sentiu que isso arruinou seu cronograma semanal.

Este artigo é sobre como montar um ciclo de estudos. Uma metodologia criada por Alexandre Meirelles, que tem o objetivo de tornar suas horas dedicadas ao aprendizado muito mais produtivas.

Método tradicional de cronograma/agenda

Quando você tem um cronograma em formato de agenda que delimita sua rotina de estudo diariamente, a hipótese de você não cumprir o estabelecido é enorme.

Vamos imaginar que você esteja montando um plano de estudo para concurso. Dentro da metodologia tradicional, os estudantes são estimulados a se organizarem da seguinte forma:

Fonte: Método de Estudo

Essa organização, mesmo sendo amplamente adotada, nem sempre é a metodologia indicada para quem deseja se dedicar integral ou parcialmente ao estudo.

Um dos motivos é que, quando você utiliza o método tradicional de organização, você não prevê dias em que vai acordar passando mal, precisando ir ao médico, por exemplo. Nesse modelo, um dia atrapalha toda a sua semana.

Se você separou sua manhã de quarta-feira para estudar Direito Constitucional e não foi capaz de fazê-lo (independente do motivo), e esse era o único horário para estudar essa disciplina na semana, você tem duas opções:

  • remanejar toda a sua semana, criando um caos, porque todos os demais dias já estão cheios de conteúdos a serem estudados;
  • ficar uma semana sem estudar Direito Constitucional.

É claro que a “culpa” dessa confusão de cronograma pode ser da sua procrastinação e da falta de disciplina. Entretanto, em grande parte dos casos, não são esses fatores que impedem o cumprimento da agenda pré-estabelecida.

Temos a convicção que nem o mais disciplinado dos alunos foi capaz de seguir 100% do seu cronograma, principalmente quando se trata de grandes períodos de estudo, como no caso da preparação para as provas de concurso.

Além de ser quase impossível de ser seguido sem falhas, o método tradicional, apresenta outras questões que contribuem para a diminuição de rendimento do aluno:

  • é extremamente cansativo para o estudante, pois, em geral, os tempos dedicados a cada matéria são muito longos;
  • em caso de impossibilidade de estudo em um dia da semana a matéria ficará atrasada ou os demais dias terão que ser remanejados;
  • dificuldade para encontrar momentos para revisar a disciplina, estando sempre acessando novos assuntos;
  • limita o aproveitamento de pequenos espaços de tempo para estudo.

É claro que muita gente obteve sucesso com o método tradicional. Ele é uma das opções para quem está se preparando para uma importante prova.

Entretanto, o objetivo deste artigo é apresentar um novo método que pode se adequar melhor a você.

Encarar a rotina pesada de estudo, seja para concursos, provas como ENEM ou provas de classe como a OAB, pode se tornar cansativo e, pior, improdutivo. É por isso que, a seguir, separamos os 5 passos necessários para montar um ciclo de estudos.

Como fazer um ciclo de estudos: 5 passos para inserir a metodologia no seu dia a dia

Aprender como fazer um ciclo de estudos pode otimizar o aproveitamento de suas horas de dedicação.

1. Defina o tamanho do ciclo

O primeiro passo de como fazer um ciclo de estudos prevê que você deve definir o tamanho do ciclo, ou seja, quantas horas ele terá.

Imagine que você queira dividir seu ciclo em 20 horas e existem 5 matérias a serem estudadas. Você precisará dividir essas matérias nesse período.

Antes de avançarmos, observe que, o nome do método leva a palavra ciclo, isso quer dizer que está sempre sendo reiniciado. Ou seja, ao completar o estudo de todos os blocos do ciclo, você seguirá novamente para o estudo do primeiro bloco, reiniciando seu ciclo de estudo.

Resumindo, você não deve fazer um novo ciclo toda vez que o complete. Você deve voltar ao início e repeti-lo.

Quando você sentir que é momento de mudar esse ciclo, remanejando horas de uma matéria para a outra ou incluindo disciplinas, você pode fazê-lo. Entretanto, a ideia do ciclo é que ele permaneça o mesmo e que ao terminá-lo você o reinicie.

Na prática, você irá mudar de ciclo poucas vezes em um ano.

A seguir uma imagem de um ciclo de estudos construído:

2. Analise cada disciplina

Agora que você já definiu o número de horas que seu ciclo terá, o próximo passo sobre como fazer um ciclo de estudos é analisar todas as disciplinas e identificar o seu nível de facilidade ou dificuldade em cada uma delas.

Também é importante destacar quais as matérias que possuem maior peso no concurso que você irá prestar.

Dentro do modelo de ciclo de estudos, você deverá separar um número maior de horas para:

  • os conteúdos nos quais você tem mais dificuldade;
  • as matérias com mais peso na prova.

3. Quantidade e tempo dos blocos

Se você tem mais dificuldade em Direito Tributário ou Contabilidade, por exemplo, precisará separar mais blocos de estudos para essas disciplinas.

Com a quantidade de blocos a mais, você também pode definir que precisa de blocos mais longos para absorver o conteúdo dessas matérias.

O ideal, como regra geral, é que os tempos dos blocos não sejam inferiores a 1 hora nem superiores à 2h30.

Há exceções em casos específicos, por exemplo, quando um estudante já muito avançado está em fase de revisão e quer repassar todas as matérias rapidamente. Nesse caso pode haver blocos com menos de 1 hora. Ou quando uma matéria é tão fácil para você que você consegue revisar bem aquela matéria em apenas 40, ou 50 minutos.

Como você pode ver, um ciclo de estudos é algo bem pessoal, por isso é importante que cada pessoa tenha seu ciclo personalizado. Se você utilizar o ciclo de outra pessoa provavelmente estará perdendo eficiência.

4. Distribua os blocos de matéria no ciclo

Neste ponto do processo de como fazer um ciclo de estudos você já tem em mãos o número de horas total do ciclo, as disciplinas que precisam de mais atenção e a quantidade de blocos com o respectivo tempo de cada um.

O que falta?

Organizar a ordem dos blocos e disciplinas dentro do seu ciclo.

Como você pôde ver no exemplo de ciclo de estudos que apresentamos no primeiro tópico, não existem dias definidos para cada disciplina, apenas o número de horas que você deve dedicar a cada uma e a ordem em que as matérias devem ser estudadas.

Talvez seja mais fácil para você construir um ciclo em formato de tabela, como no exemplo abaixo. Todo o conceito apresentado até aqui é o mesmo, principalmente no que diz respeito a reiniciar o mesmo ciclo após completá-lo.

A opção de tabela é só uma forma de visualizá-lo de maneira diferente.

Fonte: Método de Estudo

Como já observado acima, não é produtivo unir grandes blocos de estudo de uma mesma disciplina. Após o limite de 2h30, a tendência é que você perca atenção e pare de absorver conhecimento.

Mais uma dica importantíssima de como fazer um ciclo de estudos é buscar alternar matérias teóricas com as de raciocínio lógico ou cálculo.

5. Revise o ciclo

Antes de iniciar o ciclo é importante que você revise a estrutura dele e realize ajustes finais, se julgar necessário.

Esperamos ter te ajudado a entender como montar um ciclo de estudos para melhorar a gestão do seu tempo e aumentar a sua produtividade.

O ciclo de estudos proposto aqui é uma alternativa ao método tradicional e prevê mais aproveitamento de suas horas e do tempo dedicado ao estudo.

Se você achou complicado pensar nisso tudo, ou se você quer economizar ainda mais tempo e otimizar seus horários de estudo da maneira mais perfeita possível, o aplicativo EstudAqui faz todo esse trabalho pra você e cria o seu ciclo de estudos perfeito automaticamente.

Nosso sistema oferece a melhor forma de controle do estudo diariamente, e também as melhores estatísticas para entender o seu histórico.

Escolha a prova para a qual deseja estudar e nós te mostramos todas as matérias que são pedidas no edital. Com apenas 1 clique nossa tecnologia criará um ciclo de estudo personalizado e exclusivo para você, considerando as suas dificuldades e facilidades pessoais em cada matéria.

Acesse nossa plataforma e conheça mais sobre o EstudAqui.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *