Blog
como-montar-cronograma-estudos-concurso

Como fazer cronograma de estudos? Siga 10 passos essenciais!

Planejamento é a base do sucesso de toda jornada de estudo. Seja vestibular, concurso público, provas da faculdade ou qualquer outro contexto: se tem algo que você deve fazer antes de abrir a primeira apostila é aprender como montar um cronograma de estudos eficiente.

O cronograma de estudos é uma maneira de equilibrar seu tempo para que você possa se dedicar a todo o conteúdo necessário para conquistar seu sonho. 

Não apenas você tem que priorizar os assuntos para os quais precisa estudar dentro de um determinado período de tempo, mas também precisa conciliar outras responsabilidades como família, amigos, trabalho e seu próprio entretenimento!

Para driblar as desculpas e botar os planos em prática, vamos te ensinar os 10 passos essenciais de como fazer um cronograma de estudos para concurso público, ENEM ou qualquer outro objetivo que você tenha em mente. Continue lendo para entender!

Guia passo a passo: como montar um cronograma de estudos para concurso

  1. Avalie sua programação e como você usa seu tempo
  2. Comprometa-se com os estudos
  3. Siga sua programação!
  4. Liste todas as matérias que você precisa estudar
  5. Descubra quais matérias você precisa estudar mais ou menos
  6. Organize seus materiais
  7. Divida seu tempo disponível em ciclos de estudo
  8. Reserve tempo para atividades sociais
  9. Faça revisões sistemáticas
  10. Experimente aplicativos de estudos

1 – Avalie sua programação e como você usa seu tempo

O primeiro passo para montar um cronograma de estudo é avaliar sua programação atual e a maneira como você gasta seu tempo.

Afinal, isso permitirá que você dê uma olhada em como você pode organizar melhor seu cotidiano e também vai ter ajudar a identificar quais atividades pode cortar.

  • Determine quantas horas por semana você atualmente estuda;
  • Determine quantas horas por semana você dedica atualmente ao entretenimento;
  • Faça uma conta rápida para ver o que você pode cortar. As pessoas tendem a achar que gastam muito tempo em entretenimento, você pode começar por aí. Mas não seja radical, ok? Tempo para diversão e lazer é importante.

2 – Comprometa-se com os estudos

Embora você possa criar um plano de estudo incrível, ele significará relativamente pouco se você não se comprometer efetivamente.

Planeje sua programação com base nas suas possibilidades de cumprir o combinado. Se você tende a perder o foco e fazer muitas pausas, inclua tempo extra no seu cronograma de tarefas.

De certa forma, o importante é transformar a disciplina no cumprimento das metas e prazos como algo indissociável a sua rotina. Dessa forma, será mais difícil você sair dos trilhos, procrastinar ou se frustrar durante sua jornada. 

3 – Siga sua programação!

Não faz sentido montar um cronograma de estudo se você não segui-lo direitinho, certo? Selecionamos algumas dicas para você se manter focado na sua programação:

  • Tente adquirir o hábito de ver seu cronograma diariamente. Isso ajudará a mantê-lo longe da armadilha “fora da vista, fora da mente”;
  • Depois de estabelecer uma rotina de estudos, você pode começar a associar mentalmente determinados atos, como a abertura de um livro ou sentar-se em uma mesa, como um reforço positivo;
  • Use um alarme ou o temporizador do seu telefone, ou a técnica pomodoro, para alertá-lo quando seus ciclos de estudo começarem e terminarem. Isso ajudará você a cumprir sua programação.

4 – Liste todas as matérias que você precisa estudar

Listar e organizar as matérias de forma hierárquica de importância e de dificuldade é fundamental para quem quer aprender como fazer cronograma de estudos para concurso  

Além do mais, colocar suas obrigações no papel ajudará você a ter uma ideia melhor do que realmente precisa fazer.

Em especial, os concursos públicos têm uma lista extensa de conteúdos. Dessa forma, ter uma visão geral detalhada vai ajudá-lo a dividir seus ciclos de estudo e definir por onde começar, como também vai orientar sua trajetória para que você não fique perdido nesse mar sem fim de matérias a serem estudadas.

5 – Descubra quais matérias você precisa estudar mais ou menos

Agora que você anotou todos os diferentes assuntos que precisa estudar, o próximo ponto do nosso guia de “como fazer um cronograma de estudos” é separar as matérias que você já conhece e tem certo domínio das que você precisa começar do zero.

Isso não significa que você verá menos uma do que outra, mas é uma forma de manter o foco e ganhar confiança, dividindo o seu tempo da forma correta entre cada matéria. 

Afinal, de maneira lógica, você precisa dedicar bem mais tempo às matérias que geram maior dificuldade, não é verdade?

6 – Organize seus materiais

Os materiais  devem estar facilmente acessíveis para que você otimize ao máximo possível seu tempo durante o aprendizado.

Se você preferir trabalhar com cópias impressas, pode investir em um sistema de arquivamento físico, como uma maleta ou uma pasta. Já os alunos que estudam online têm a opção de aproveitar a facilidade e a flexibilidade de trabalhar digitalmente.

Por fim, organize os arquivos do seu computador em pastas e use nomes descritivos para facilitar a identificação.

7 – Divida seu tempo disponível durante a semana em ciclos de estudo

É importante dividir seu tempo disponível durante a semana em ciclos de estudo para garantir o máximo de organização e eficiência.

 

O truque de como criar um cronograma de estudos eficaz é planejar o seu tempo de estudo  em períodos (dias das semana, por exemplo), para que você tenha uma programação fácil de memorizar e que seja mais facilmente incorporada à rotina. 

8 – Reserve tempo para atividades sociais

Enquanto separa o tempo para cada matéria, você também precisa garantir que está reservando tempo para a família, amigos, atividades físicas e descanso. 

Essas práticas são fundamentos básicos para uma vida saudável e não podem ser menosprezadas, pois um estudante carente delas sente o impacto negativo disso na rotina de estudos.

O descanso, então, é essencial para o bom rendimento. Procure técnicas para dormir melhor e nas horas adequadas.

Um equilíbrio saudável é importante para o bom funcionamento da sua jornada rumo aos objetivos.

9 – Faça revisões sistemáticas

Todo conteúdo precisa ser devidamente revisitado para que o aprendizado seja consolidado. 

Portanto, elabore uma estratégia de revisão de estudos periódica no seu cronograma. Ela pode ser diária, semanal, mensal, enfim, da maneira que melhor se encaixe na sua rotina. 

10 – Experimente aplicativos de estudos

Nossa décima e última dica é investir em ferramentas e aplicativos de estudo que podem te ajudar a se organizar e aumentar sua concentração.

Existem várias opções, como plataformas que implementam o Método Pomodoro na sua rotina, outras funcionam como organizadores de conteúdo, como é o caso do Mindmeister, entre muitas outras.

Entretanto, é possível optar por um aplicativo que reúna todas essas características em um lugar só, como é o caso do Estudaqui. Ele consegue desenvolver um plano de estudo eficiente de forma automatizada de acordo com suas particularidades pessoas e objetivos.

Além dos já citados, a ferramenta também oferece a metodologia do ciclo de estudos, prática de planejamento educacional com resultados comprovados de performances para todo e qualquer tipo de estudante.

Aprender como fazer cronograma de estudos pode ser mais fácil do que você imagina

Estas são as 10 etapas essenciais que você precisa saber para montar seu próprio cronograma de estudo. 

Portanto, quer montar seu cronograma de estudos perfeito e personalizado apenas com o clique de um botão sem se preocupar com todas essas regras e sem perda de tempo?

O Estudaqui em tudo pra você, desde quais matérias caem no seu processo seletivos, quais são as mais importantes e valem mais pontos, e até mesmo qual tempo deve ser alocado a cada uma delas de acordo com as suas necessidades pessoais.

A plataforma te ajuda na marcação do estudo e na visualização das estatísticas. Além disso, ela dá um up na motivação, ao passo que reduz o desperdício, entre várias outras vantagens, tais como:   

  • Estatísticas inteligentes em prol do desenvolvimento pessoal;
  • Metas e prioridades de estudo, além de quanto tempo dedicar a cada item;
  • Índice de eficiência nas matérias, juntamente com o relatório de melhorias;
  • Revisões, pontos de parada e porcentagens de acerto;
  • Tempo desperdiçado com pausas, sendo dividido por: disciplina e hora (dia/semana);
  • Edição do ciclo, caso você decida estudar algo que não estava planejado;
  • Importação do histórico de estudo, a partir de planilhas ou de outros aplicativos.

O Estudoaqui é, sem dúvidas, um aliado perfeito se você deseja aprender como se organizar para estudar para concurso, ENEM, OAB ou qualquer outro objetivo.

Conheça o app do Estudaqui e saiba como ele vai facilitar muito o seu caminho rumo à aprovação no seu concurso dos sonhos!

Não se esqueça, sempre tente equilibrar seu tempo pessoal com seu tempo profissional e de estudos. Boa sorte!

Um abraço, Tiago Ribeiro Neves.

Ver todos os artigos de Tiago Ribeiro Neves