Como evitar o branco na hora da prova

Como evitar o branco na hora da prova: 5 técnicas infalíveis

Um dos maiores medos dos estudantes é esquecer o conteúdo estudado e, por isso, perder a chance de ser aprovado. Por isso, muitos buscam entender como evitar o branco na hora da prova e garantir que todo conhecimento seja passado para o papel.

O “branco” é a incapacidade temporária de recuperarmos uma informação aprendida. Nós temos consciência de que sabemos, mas não conseguimos recordar –  mesmo que o dado esteja “na ponta da língua”.

O problema, infelizmente, é frequente para muitas pessoas. Afinal, prestar uma prova concorrida envolve muita ansiedade e nervosismo, sentimentos que afetam a memorização e o aprendizado. Isso acontece com qualquer tipo de prova, seja um concurso público, vestibular, Enem, OAB, carreiras militares, residência médica etc.

A boa notícia é que dá para contornar essa dificuldade – mesmo quando surge o branco na hora da prova.

Neste artigo, explicamos como evitar o branco na hora da tão esperada prova. Continue a leitura!

O que causa o branco na hora da prova?

Diante do branco na hora da prova, é importante que o estudante esteja ciente que, muitas vezes, ele não esqueceu: o conteúdo está no cérebro, mas temporariamente inacessível.

O bloqueio mental geralmente ocorre em situações de alto nível de estresse. Nesse contexto, as glândulas adrenais, próximas aos rins, liberam o hormônio cortisol no sangue.

Este hormônio é o responsável por promover alterações no funcionamento de várias partes do corpo, inclusive do cérebro.

A ação hormonal afeta diversas funções cognitivas e, quanto à memória, prejudica a recordação. Por isso, é normal que tenhamos dificuldade de lembrar uma informação quando estamos estressados.

Na maioria dos casos, o bloqueio passa pouco tempo depois. Mas, algumas vezes, a informação pode permanecer bloqueada por dias.

Será que é branco mesmo? Ou você não estudou o suficiente?

Em caso de branco na hora da prova, é importante diferenciar se você realmente teve um branco ou se não estudou a disciplina suficientemente.

O branco decorre do estresse e, quando a pessoa se acalma, é normal que a informação seja lembrada.

Quando isso não ocorre, pode ser que você até tenha estudado o conteúdo, mas não o fez com máxima atenção ou estudou há muito tempo e não fez uma revisão.

Vamos supor que hoje alguém vá realizar uma prova de concurso para auditor fiscal, e que a última vez que a pessoa teve contato com as disciplinas da área foi em 2016, quando precisou parar pra estudar por problemas pessoais.

Dessa forma, se essa pessoa precisar realizar uma prova hoje, com o mesmo conteúdo que ela estudou na época, deixará de responder a inúmeras questões. Não por branco, mas por falta de revisão.

Ou seja, uma disciplina que você não vê há tempos dificilmente voltará à sua mente na hora da prova se você não revisá-la.

Portanto, estude com atenção, faça exercícios e adote metodologias de revisão para garantir que não haverá esquecimentos!

Você sabia?

Os fundadores da Estudaqui foram aprovados nos melhores vestibulares (USP/FUVEST, UFSCAR, UNIFESP etc) e também nos melhores concursos do Brasil (Auditor Fiscal de SP, do MT, do ES etc). E o projeto da Estudaqui foi validado por eles em alguns dos melhores cursos de empreendedorismo do mundo (Stanford, UC Berkely e Draper University), no Vale do Silício, na Califórnia.

Conheça nossa história e o aplicativo de estudo da Estudaqui. E claro, continue lendo :).

Prepare-se e descanse para evitar o estresse

Para evitar o branco na hora da prova, é necessário adotar estratégias para evitar um episódio agudo de estresse durante a prova.

Nesse sentido, ter boas noites de sono nos dias que antecedem o certame é fundamental. 

O sono, além de ter o efeito relaxante, é essencial para que o conteúdo estudado torne-se uma memória fixa e duradoura.

O costume que alguns estudantes têm de “virar a noite estudando” dificulta a memorização do conteúdo.

O melhor a fazer é estudar durante o dia e dormir de sete a oito horas por noite, permitindo assim que a informação torne-se um traço permanente na sua memória.

A prática de exercícios físicos também é uma boa alternativa para aliviar o estresse. Quanto ao consumo de cafeína, deve ser feito com moderação.

Na véspera da prova, vá até o seu local de prova, a fim de conhecer o itinerário e evitar atrasos.

No dia da prova, a alimentação escolhida é ainda mais importante. Alimentos muito pesados ou em quantidade insuficiente podem prejudicar o desempenho durante a prova ou mesmo desregular o organismo.

Antes de sair de casa, verifique se você está com todos os objetos e documentos necessários para realizar a prova. Deixe-os acessíveis, para não ter que procurá-los e se estressar, pensando que os perdeu ou esqueceu.

Também é extremamente importante sair cedo de casa, de forma a evitar interferências prejudiciais de imprevistos – como engarrafamentos.

Como evitar o branco na hora da prova: 5 técnicas simples

Como evitar o branco na hora da prova 1

Para saber como evitar o branco na hora da prova, é necessário encontrar alternativas para diminuir a sua ansiedade.

Separamos cinco dicas simples, que podem ser muito úteis para te ajudar a lembrar o bendito conteúdo. Olha só!

Para facilitar sua vida, colocaremos primeiro a listagem, e depois colocaremos os detalhes no restante do artigo.

Como evitar o branco na hora da prova:

  • Saia do lugar
  • Banco de ideias ou Mapa Mental
  • Visualização do seu material de estudo
  • Exercício de respiração
  • Pergunte mentalmente

Agora sim, vamos te mostar mais detalhes de cada um :)

1. Saia do lugar

Se você começa a desenvolver uma questão e percebe que está sofrendo com um branco, movimente-se!

Beba água e, dentro do possível, vá ao banheiro, lave o rosto e respire fundo. Ao voltar para a prova, tente resolver outras questões.

Nesse tempo, seu cérebro irá trabalhar em “background” na questão anterior e, possivelmente, você terá a resposta quando voltar até ela.

2. Banco de ideias ou Mapa Mental

Se houver branco na hora da prova diante de uma questão, construa um banco de ideias ou mapa mental sobre o conteúdo exigido no enunciado.

Ao elencar os principais tópicos do assunto cobrado, é possível que você relembre aquele que será a resposta para a questão.

3. Visualização do seu material de estudo

Quando há branco sobre um determinado assunto, vale a pena lembrar como, quando e onde você o estudou.

Lembrar em qual livro, página, resumo em que o conteúdo se encontra e até a cor das suas anotações sobre o assunto pode ajudar a lembrar a resposta correta.

4. Exercício de respiração

Quando você está muito estressado, é o lado direito do cérebro, ligado às emoções, que está bloqueando o seu desempenho.

Tampe a narina direita e respire fundo de 20 a 30 vezes pela narina esquerda. Dessa forma, é possível ativar e reanimar o lado direito, que se encontra sobrecarregado.

Essa técnica é conhecida como Técnica de Respiração das Narinas Alternadas e, para muitos profissionais de yoga, é importante para limpar os canais de energia bloqueados no corpo, que por sua vez acalmam a mente.

5. Pergunte mentalmente

Uma técnica que eu utilizava com frequência, para evitar o branco na hora da prova, era fazer perguntas mentalmente sobre o assunto.

Quando você se imagina fazendo uma pergunta para alguém, o seu cérebro muda o caminho dos neurônios para perguntar e, nesse sentido, pode vir a acessar a informação que você está procurando.

Em caso de esquecimento, não desespere e evite ficar observando os concorrentes – busque aplicar essas técnicas de como evitar o branco na hora da prova.

Prepare-se e evite o branco na hora da prova

Agora que você já sabe como evitar o branco na hora da prova, pode investir em reforço extra na sua preparação e aprender outras maneiras produtivas de estudar.

Saiba que você não precisa, e nem deveria, tentar fazer tudo sozinho, facilite a sua vida usando uma tecnologia como a do aplicativo Estudaqui.

Em poucos segundos o app monta seu ciclo de estudo perfeito personalizado, sem você precisar ter qualquer trabalho. E isso não é tudo! O Estudaqui ainda permite, automaticamente:

  • controlar o tempo de estudo de maneira simples e fácil;
  • acompanhar as porcentagens de acerto em qualquer celular ou tablet;
  • ver relatórios de conclusão de estudo e avanços do conteúdo;
  • rever o histórico de tudo o que foi estudado;
  • tomar ações para melhoria de desempenho com ajuda da melhor tecnologia de estudo do mercado.
  • Acesse o site e conheça mais sobre o Estudaqui: estudo de alto desempenho, simples e acessível a todos!

Fique à vontade para compartilhar o artigo nas redes sociais.

Um abraço, Tiago Ribeiro Neves.

Ver todos os artigos de Tiago Ribeiro Neves